Connect with us

Educação

Congresso na Ufac é marcado por manifestação de professores negros e negras

Published

on

Professores e professoras negros e negras realizaram uma manifestação, com tambores, cartazes e entoando as palavras de ordem “povo negro livre, povo negro forte, que não teme a luta, que não teme a morte” nesta quinta-feira, 9. A ação ocorreu durante o penúltimo dia do 41º Congresso do ANDES-SN (Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior), que ocorre na Universidade Federal do Acre (Ufac), em Rio Branco.

O protesto foi uma crítica direta à falta de representatividade negra, principalmente, no primeiro dia do Congresso, na segunda-feira (6). “Mesa branca, discurso brancocêntrico, imageticamente a análise da conjuntura ensinou que negros, negras e indígenas não existem e não importam, a branquitude, vocês, protagonista do dia 6 de fevereiro, que ensinaram aos docentes da IES brasileiras com seus fatos, fenômenos, processos e sujeitos, que servem de referência para a luta sindical é branca”, afirmou o professor Celso de Oliveira (Adusp), um dos docentes a partciipar da manifestação.

Diante disso, os docentes que realizaram o protesto reivindicaram o compromisso político de cada um dos coletivos que compõem o ANDES-SN para compor chapas eleitorais consonantes com as representatividade do povo brasileiro, 58% de negros, 38% de brancos, 4% de indígenas, segundo o IBGE.

A delegação da ADUA, composta por 13 docentes (entre delegados, delegadas, observadores e observadoras) participa do encontro que se estende até sexta-feira (10). No total, estão participando do Congresso docentes de 82 seções sindicais, sendo 436 delegados e delegadas, 124 observadores e observadoras, 17 convidados, 34 diretores do ANDES-SN. No total, o encontro contou com 611 participantes.

Fonte: ADUA

Educação

Prefeito de Cruzeiro do Sul anuncia reajuste salarial para profissionais da educação

Compromisso com a valorização profissional reflete em investimento de mais de R$2 Milhões e avanços salariais

Published

on

Na manhã desta quinta-feira, 29, o prefeito Zequinha Lima anunciou o pagamento do piso salarial de 2024 e o retroativo de 2023, representando um investimento significativo na valorização dos profissionais da educação, totalizando mais de R$2 milhões.

Durante o encontro com educadores, servidores administrativos e gestores municipais, o prefeito destacou o compromisso da administração em promover avanços salariais, com um reajuste de 81% para os efetivos e 108% para os provisórios nos últimos três anos.

O coordenador pedagógico da escola Terezinha Saavedra, Antônio Pinheiro, expressou sua satisfação com o anúncio, ressaltando a importância do reajuste para a valorização dos profissionais. Ele destacou o esforço da gestão municipal em reconhecer o trabalho dos funcionários e garantir uma educação de qualidade para Cruzeiro do Sul.

O Secretário Municipal de Educação, Edvaldo Gomes, enfatizou a relevância do anúncio, abrangendo tanto os professores efetivos quanto os servidores provisórios. Gomes detalhou que o pagamento do retroativo do piso de 2023 será feito em duas parcelas, trazendo alívio financeiro para os profissionais, com 50% em março e os outros 50% em abril.

O prefeito Zequinha Lima reiterou o compromisso da administração em investir na educação, evidenciando o aumento no percentual de recursos destinados ao pagamento de salários, passando de 70% para quase 96% do montante arrecadado pelo Fundeb. Ele destacou que esse esforço visa garantir remuneração digna e reconhecimento pelo trabalho dos profissionais da educação.

Continue Reading

Educação

Ieptec: Governo do Acre busca apoio do FNDE para fortalecer ensino profissionalizante

Reunião em Brasília discute investimentos no ensino profissional no Acre, abordando reformas, prestação de contas e transporte escolar.

Published

on

Representantes do Instituto Estadual de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec), Secretaria de Estado de Obras Públicas (Seop) e do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) se reuniram em Brasília para discutir questões relevantes relacionadas ao fortalecimento do ensino profissional no Acre.

O encontro abordou a retomada da reforma e ampliação do Centro de Educação Profissional e Tecnológico João de Deus, localizado em Plácido de Castro. Os representantes do governo estadual foram orientados a elaborar um relatório técnico para análise e liberação de recursos pelo FNDE, órgão federal responsável por tal processo. A previsão é que as pendências sejam resolvidas até o final de março.

Outro ponto de discussão foi a resolução de falhas no Sistema Integrado de Monitoramento, Execução e Controle (Sismec) referentes à prestação de contas da reforma da Escola Técnica em Saúde Maria Moreira da Rocha, em Rio Branco. Apesar de inaugurada, o sistema indica inacabamento, resultando em notificações do Tribunal de Contas da União (TCU). Espera-se que esse impasse seja solucionado em breve.

A aquisição de novos ônibus escolares para atender à demanda crescente de transporte no ensino profissionalizante do Acre também foi discutida. A necessidade de reforçar a frota para atender adequadamente os estudantes foi destacada durante a reunião.

Fonte: Agência de Notícias do Acre

Continue Reading

Educação

Retorno às aulas do ensino médio na rede estadual é nesta Segunda-feira

Published

on

O ano letivo de 2024 para os alunos do Ensino Médio na rede estadual começa nesta segunda-feira, 19, abrangendo áreas urbanas e rurais. O retorno dos estudantes do Ensino Fundamental está programado para uma semana depois, em 26 de fevereiro.

Uma novidade para este ano é a instalação de uma rede de internet em escolas rurais e indígenas, por meio de satélites, juntamente com o fornecimento de energia elétrica via placas fotovoltaicas.

Foto: Mardilson Gomes/SEE

Continue Reading

Tendência