Connect with us

Educação

Professores do Juruá recebem formação sobre laboratórios multidiciplinares

Formação capacita professores do Acre para uso de laboratórios multidisciplinares em escolas estaduais do Juruá

Published

on

Professores do ensino médio das escolas estaduais de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima e Rodrigues Alves participaram, nesta quinta-feira, 21, de uma formação sobre o uso dos laboratórios multidisciplinares instalados nas unidades de ensino pelo governo do Estado. Os laboratórios são compostos por kits de química, matemática, biologia e física, permitindo aos alunos realizar experimentos práticos e interativos.

A formação foi conduzida pelo assessor pedagógico da Divisão do Ensino Médio, da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte (SEE), Rodrigo Gomes, que explicou que o objetivo é capacitar os professores para que eles possam aproveitar ao máximo os recursos dos laboratórios, tanto nos componentes tradicionais quanto nos itinerários formativos do Novo Ensino Médio.

“A gente já teve outro momento aqui no Juruá, no processo de instalação desses equipamentos. Agora retornamos para trabalhar a primeira jornada, a primeira formação dos componentes com os professores, não só de Cruzeiro do Sul, mas também de Mâncio Lima e Rodrigues Alves”, disse Rodrigo.

As professoras Lívia Souza e Francisca Rocha, que participaram da formação, elogiaram a iniciativa e destacaram os benefícios dos laboratórios para o processo de ensino-aprendizagem.

“As disciplinas de ciência da natureza são as que têm maior índice de reprovação, porque os alunos não se sentem interessados pelas aulas, eles não conseguem absorver tanto. E esses laboratórios vêm com o intuito de unir a teoria com a prática, melhorando o desempenho dos estudantes”, afirmou Lívia.

“A gente vê como um aditivo. Nós sabemos que são vários desafios, mas é algo a mais, algo bom. Estou aprendendo coisas novas, estou gostando do que estou vendo e acho que o aluno também vai se interessar, porque é novidade para as escolas”, complementou Francisca.


Rodrigo informou que o processo de implementação, de ajuste de espaços e de planejamento para o uso dos laboratórios segue avançando no estado e que o investimento do governo representa um ganho para a educação.

“É importante falar que a gente segue avançando nesse processo de implementação, de ajustes de espaços, para o ano que vem já tem todo um planejamento para que a gente possa melhorar o uso, as experiências e, principalmente, a qualidade de ensino e também a qualidade do trabalho dos nossos professores, que estarão mais capacitados e com equipamento para desenvolver os seus trabalhos”, concluiu.

Por Jully Joyce Specht / Assessoria Foto: Gledisson Albano/SEE

Educação

Estudantes de Biologia da UFAC realizam pesquisa na Feira do Peixe de Cruzeiro do Sul

Integração de Conhecimentos Acadêmicos e Tradicionais na disciplina de etnobiologia

Published

on

Estudantes do curso de biologia do Campus Floresta da Universidade Federal do Acre (UFAC) estão conduzindo uma pesquisa na Feira do Peixe de Cruzeiro do Sul. A atividade faz parte da disciplina optativa de Etnobiologia, que busca explorar saberes tradicionais em conjunto com conhecimentos acadêmicos. Sob a orientação da professora Nicoll Escobar, os alunos realizam uma experiência etnográfica para descrever a diversidade observada na feira, abrangendo aspectos vegetais, animais e culturais.

“A disciplina”, diz a professora Nicoll Escobar, “une conhecimentos acadêmicos e tradicionais. Estamos realizando uma experiência etnográfica para descrever a diversidade observada, abordando aspectos vegetais, animais e culturais. A etnobiologia estuda como diferentes grupos étnicos percebem, classificam e utilizam os recursos naturais, considerando aspectos biológicos e socioculturais.”

A Feira do Peixe de Cruzeiro do Sul oferece uma variedade de espécies de peixes, além de apresentar técnicas de piscicultura, pesca, confecção de redes e preparo culinário dos pescados. O evento, realizado pela Prefeitura de Cruzeiro do Sul em parceria com associações locais, continua até sábado, 30.

Continue Reading

Educação

Nova sede do Centro de Educação Profissional do Ieptec

Entrega marca início das atividades na unidade Roberval Cardoso em Rio Branco

Published

on

O governo do Estado concluiu a construção da nova sede do Centro Roberval Cardoso, pertencente ao Instituto Estadual de Educação Profissional e Tecnológica (IEPTEC), em Rio Branco. Nesta sexta-feira, 22, os alunos do Curso Técnico em Agronegócio foram recepcionados no primeiro dia de aula na unidade.

A nova sede conta com sete salas de aula, espaços para atividades administrativas e pedagógicas, além de instalações técnicas, refeitório, pátio e quadra de esportes. Anteriormente, o Centro Roberval Cardoso funcionava de maneira provisória na Escola Maria Moreira, também parte da rede Ieptec. Com a inauguração, todas as unidades do instituto passam a ter sede própria, visando melhorar o acolhimento aos estudantes e equipes.

O gestor do Ieptec, Alírio Wanderley, expressou sua satisfação com a conclusão do centro, “Com a inauguração do Centro Roberval Cardoso, todas as unidades do Ieptec agora possuem instalações próprias, o que proporcionará um melhor acolhimento aos nossos estudantes e equipes”, declarou Alírio Wanderley, gestor do Ieptec, em comemoração.

O Ieptec planeja executar projetos futuros para fortalecer o ensino prático nas áreas agrícola, florestal e de recursos naturais.

Com informações e foto: Ascom/Ieptec

Continue Reading

Educação

Início do Ano Letivo na Rede Municipal de Ensino de Cruzeiro do Sul

Published

on

Nesta segunda-feira, 18, a maioria das escolas municipais de Cruzeiro do Sul iniciará o ano letivo de 2024. O Secretário Municipal de Educação, Esporte e Lazer, Edvaldo Gomes, anunciou que todas as 112 escolas do município estão prontas para receber os cerca de 12 mil alunos matriculados.

Seis escolas que foram afetadas pela cheia do Rio Juruá também estão preparadas para retomar as atividades. No entanto, algumas escolas continuam servindo de abrigo para famílias desalojadas, adiando o início do ano letivo até que sejam desocupadas, limpas e submetidas a manutenção.

Além disso, duas regionais localizadas nas áreas ribeirinhas iniciarão as aulas somente em 1º de abril, devido ao término tardio do ano letivo anterior, cumprindo o período legal de férias dos professores.

Continue Reading

Tendência